Cid e Campos acertam para PSB entrar com representação contra petista

Cid e Campos acertam para PSB entrar com representação contra petista
Cid e Campos acertam para PSB entrar com representação contra petista

Os governadores Cid Gomes (Ceará) e Eduardo Campos (Pernambuco) acertaram nesta terça-feira (9) que o PSB entrará com representação contra o deputado Eudes Xavier (PT-CE) na Comissão de Ética da Câmara. "Vamos fazer isso até o final do dia", disse Cid à Folha.

Na semana passada, Xavier pediu investigação sobre uma suposta rede de espionagem de adversários montada pelos irmãos Cid e Ciro Gomes.

Alan Marques - 17.mar.2010/Folhapress
Campos e Cid durante encontro no Congresso em 2010
Campos e Cid durante encontro no Congresso em 2010

O governador diz que também tomará medidas judiciais contra o petista.

Na quinta-feira, no plenário da Câmara dos Deputados, Xavier afirmou que recebeu "de uma fonte" cópia de e-mails oficiais e privados do governador; de Ciro Gomes; do chefe da Casa Civil estadual, Arialdo Pinho; e do secretário de Segurança Pública e Defesa Social, coronel Francisco Bezerra.

No dia seguinte, Cid Gomes disse que sua conta de e-mail foi invadida e que o conteúdo de mensagens que trocou foi adulterado.

As explicações foram dadas à Assembleia do Ceará. Ele compareceu ao plenário espontaneamente após deputados discursarem sobre o assunto.

O governador afirmou que foi informado há cerca de três meses da suposta invasão na sua conta de email e que a Polícia Federal e a Polícia Civil estão investigando o caso.

Nos supostos e-mails, o grupo discute espionar um adversário político no Ceará, utilizando a estrutura do governo e uma empresa privada.

Por orientação de um especialista, Cid Gomes relatou que, ao ser informado da invasão, lançou o que chamou de "isca" para identificar os culpados. Com esse email, segundo Cid, foi possível identificar as pessoas que estavam invadindo sua conta.

Compartilhe esta postagem:

Publicidade